Projetos de Pesquisa

Projetos de Pesquisa no Brasil

Projetos de pesquisa em andamento

Novo Medicamento para o Tratamento dos Cavernomas Cerebrais

Composição Institucional do Projeto:

O Projeto reúne pesquisadores com formação e experiências em tratamento e acompanhamento de pacientes com a doença cavernoma cerebral, com pesquisa em culturas de células endoteliais e criação de novos fármacos para tratamentos medicamentoso de doenças, em Instituições brasileiras renomadas e com expertise comprovada em publicações cientificas em revistas internacionais de alto impacto.

Coordenadores

  • Jorge Marcondes de Souza, PhD.
    Prof. Adjunto de Neurocirurgia, Departamento de Cirurgia
    Faculdade de Medicina da UFRJ
    http://lattes.cnpq.br/3303261200172538

  • Profa. Verônica Maria Morandi da Silva, PhD.
    Professora Associada
    Chefe do Departamento de Biologia Celular – IBRAG
    Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ)
    CV: http://lattes.cnpq.br/1903562429964967

  • Carlos Alberto Manssour Fraga, PhD.
    Professor Titular
    Laboratório de Avaliação e Síntese de Substâncias Bioativas (LASSBio)
    Instituto de Ciências Biomédicas, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
    CV Lattes: http://lattes.cnpq.br/9782159937151139
Desde 2019 buscamos recursos para continuidade deste projeto tão relevante que todo paciente com cavernoma anseia, TER UMA MEDICAÇÃO para sua doença.

A fase 1 do projeto obteve resultados surpreendentes e auspiciosos. Resultou no registro de 2 patentes nacionais mas no atual momento encontra-se parada por falta de recursos.

O custo para continuidade da pesquisa é da ordem de R$1.044.000,00 ( Um milhão e quarenta e quatro mil Reais). Apesar de todo esforço junto a parlamentares não obtivemos êxito com emenda para 2021.
A Fase 2 da pesquisa tem como Objetivos Geral
  • Dar continuidade à busca por inovações farmacológicas para o tratamento dos cavernomas cerebrais através do desenvolvimento de uma nova série de compostos híbridos do Fasudil e do protótipo inibidor de IKK-β. Tal composto tem o potencial de promover a inibição da via RhoA/ROCK endotelial de forma mais específica e, desta forma, controlar esta doença cerebral prevalente e de consequências desastrosas em pacientes onde hemorragia cerebral ou epilepsia manifestem-se de forma incapacitante.

Objetivos Especifico


  • Investigar a inibição de ROCK / RhoA cinase como intervenção terapêutica farmacológica nos cavernomas cerebrais.
  • Analisar, por meio de cultura de células HUVEC, silenciadas para gene CCM3 – o mais produtivo dos genes mutados na doença – o desenvolvimento da célula com típico fenótipo do cavernoma cerebral.
  • Observar reversão ao fenótipo endotelial normal após submetida às drogas FASUDIL (conhecido bloqueador da via RhoA cinase), em comparação com compostos desenvolvidos pelo LASSBiO e análogos estruturais originais.
Os pesquisadores estão estabelecendo cooperação científica com a equipe do Structural Genomics Consortium (SGC) in Frankfurt, liderada pelo Prof. Stefan Knapp para a realização de estudos de co-cristalização de LASSBio-2065 com a enzima ROCK1, para de termos informação com maior acurácia sobre o modo de interação inibidor-enzima e poder, com base nesta informação planejar com maior acurácia novos compostos mais potentes e seletivos.

Mas para que esta pesquisa saia do papel precisamos levantar fundos. AJUDE-NOS

Biomarcação Prognóstica em Cavernomas Cerebrais: Biomarcação em Hemorragia Sintomática de Cavernomas Cerebrais
Cavernoma
Site7Dias